O que vestir na faculdade? 5 dicas essenciais para não errar! O que vestir na faculdade? 5 dicas essenciais para não errar!

O que vestir na faculdade? 5 dicas essenciais para não errar!

Você finalmente ingressou na faculdade e está ansioso para dar seus passos iniciais na vida acadêmica. Porém, na hora de se preparar para o primeiro dia de aula, pintou aquela dúvida sobre o que vestir. Essa situação é bastante comum, já que a maioria das faculdades não inclui o vestuário em seus manuais de conduta e ética.

O que muitos estudantes fazem é observar o que os colegas estão usando, o que pode ser muito ruim para a definição de um estilo pessoal. Em geral, alunos de cursos como Direito e Economia são mais formais, e os de Publicidade, Arquitetura e Design, mais despojados. Mas esse conselho é um tanto vago, não é?

Se você não sabe o que vestir na faculdade, confira as nossas dicas e mostre, com estilo, quem você é!

Valorize o seu estilo pessoal

Na dúvida sobre o que vestir na faculdade, muitos estudantes se voltam para conselhos de revistas ou blogs de moda ou procuram algum tipo de dress code da instituição. Porém, por mais que cada tipo de curso ou de ambiente de trabalho tenha um padrão de vestimenta próprio, não é preciso abrir mão da sua expressão pessoal para se adequar.

Antes mesmo de abraçar os conselhos das revistas, você deve investir no autoconhecimento. Descubra primeiro quais são os efeitos que você deseja comunicar e a imagem que quer passar com o seu guarda-roupa e, depois, pesquise como expressá-los de acordo com o contexto em que você estiver inserido.

Monte um guarda-roupa pensando na faculdade

Conforto e beleza são apenas dois dos diversos critérios que precisamos ter em mente ao comprar roupas, sejam elas novas ou garimpadas em um brechó. Para fazer compras de uma maneira inteligente, faça uma lista. Considere as seguintes questões:

  • O que você já tem no armário e que pode combinar com as peças novas?

  • Como é a sua rotina? Você está bem equipado para enfrentá-la?

  • Quais são as cores que mais combinam com o que já tem no armário?

  • As novas peças serão usadas em outros contextos (finais de semana, passeios, baladas)?

  • Seu guarda-roupa está preparado para variações de clima?

  • Quais são os tecidos de que você mais gosta? O que o incomoda muito e o que proporciona mais conforto?

Um guarda-roupa funcional deve se alinhar ao seu estilo de vida, à sua personalidade e ao seu gosto pessoal. Tenha isto em mente antes de adquirir qualquer item e evite o acúmulo e o desperdício de roupas em seu armário!

Considere o custo-benefício das peças

É pouco provável que você utilize uma camisa estampada com a cara do Bart Simpson durante toda a graduação, por mais informal que seja o seu curso. Uma camisa branca, no entanto, poderá ser combinada com várias outras. Para isso, porém, ela precisa ter qualidade e durar bastante — e uma camisa dessas custa um pouco mais.

Para calcular o custo-benefício de uma peça, você precisa verificar o valor que ela tem em relação à quantidade de vezes que você a usa.

Uma calça jeans que valha R$ 480 usada 48 vezes em um mesmo ano custou apenas R$ 10 por uso. Já uma jaqueta com tachas no mesmo valor e que foi usada 12 vezes por ano custou R$ 40 por uso. A calça, portanto, saiu mais barata.

Assim, procure avaliar melhor a qualidade de itens básicos, observando bem o material, as costuras e o acabamento das peças.

Acerte nos sapatos

A gente concorda que ir com chinelos ou um bom tênis velho para a aula é uma das melhores liberdades que a faculdade nos permite, mas você também precisa entender que esse não é o visual mais elegante. Se você já começou a estagiar ou está em busca de um look que não diga “meu escritório é na praia”, comece com bons sapatos.

Os sociais vão bem no escritório e acrescentam uma elegância instantânea ao visual. Eles podem ser usados com calças jeans e boas camisas. Os sapatênis são uma boa alternativa para quem não se dá bem com o look formal, mas também não curte o mundo corporativo. Já o oxford é um clássico mais informal, especialmente em couro macio e fosco.

O dockside, o mocassim e o tênis de couro atendem ambientes não tão formais, são um bom investimento e conversam com o ambiente estudantil.

Para as meninas, os scarpins podem ser um tanto formais e causar desconforto, especialmente para quem usa transporte coletivo. Opte por sapatilhas, oxfords ou sapatos de salto médio e grosso, que ajudem com a postura. Sapatos e sandálias que mostrem os dedos ou o peito dos pés ajudam a alongar a silhueta e deixam o visual mais leve.

Os tênis vão bem até mesmo com saias, mas dialogam melhor com ambientes de trabalho mais informais, como agências de comunicação e startups. Se esse é o seu caso, aposte no versátil tênis branco!

Invista em boas combinações

Vestidos são ótimos para dias quentes e garantem conforto para as meninas. Só tenha o cuidado de não escolher modelos muito decotados ou transparentes: deixe essas peças para brilhar por aí no fim de semana.

Se você não abre mão da sensualidade, pode apostar no jogo de transparências e sobreposições: um vestido que deixe as costas à mostra pode ser usado com um casaquinho de renda e uma blusa mais decotada pode ser sobreposta a outra. Saias e shorts mais curtos podem ser usados com meia-calça.

Já os sutiãs de alça aparente podem ser usados, sim, desde que não sejam os protagonistas do look. O comprimento mídi está em voga, é sexy sem ser óbvio e transita entre ambientes formais e informais.

Vale lembrar também do jogo de proporções: escolheu uma blusa cropped? Vá de calça ou saia longa. A saia coladinha pode ser coordenada com uma blusa mais solta. Se o short é mais curto, vale apostar em uma blusa mais longa e discreta.

Se você já faz estágio e está em uma empresa mais formal, não precisa apelar para os conjuntos cinza e sem graça. Coordene cores entre as partes de cima e de baixo e experimente fazer mixagens entre texturas e materiais diferentes.

O tricô, por exemplo, vai bem com a alfaiataria. Um blazer pode ganhar menos seriedade com uma calça jeans skinny escura e um maxi-colar. Mesmo que você tenha de usar calça social e camisa, com alguns acessórios e combinações, você pode acrescentar mais personalidade ao visual.

Camisas de estampa xadrez, floral e camisetas polo deixam o look social menos formal. Bermudas deixam de ser tão informais se combinadas a boas camisas e sapatos como mocassins e oxfords. Opte pelas menos detalhadas e mais ajustadas ao corpo.

As camisetas estampadas, por sua vez, deixaram de ser apenas um acessório de tribos urbanas e podem mostrar aos seus colegas o seu gosto por um filme, banda ou seriado. Se o seu ambiente de trabalho após a faculdade é mais formal, aposte nelas! Apenas tenha o cuidado de não usá-las como um adolescente, amassadas e desbotadas.

Gostou de nossas dicas sobre o que vestir na faculdade? Curta a nossa página no Facebook e receba ainda mais novidades sobre a vida na universidade em sua timeline!