Planejamento financeiro: como organizar a vida de estudante

Quando ingressa na faculdade, você descobre duas verdades: a vida de universitário é bem diferente daquilo que os filmes e séries retratam, e se você não tiver um bom planejamento financeiro, vai acabar tendo problemas.

Hoje vamos conversar sobre finanças. É o dinheiro que lhe ajuda a pagar a mensalidade da faculdade, comprar seus materiais didáticos, custear o seu transporte, sua alimentação e ter acesso a outras coisas que fazem parte da sua rotina, como diversão e lazer, por exemplo. E se você não tiver um excelente controle sobre como empregar devidamente o dinheiro que tem, certamente acabará no vermelho.

Então, pensando nesse assunto, a seguir vamos compartilhar dicas que vão ajudá-lo a fazer um ótimo planejamento financeiro, para organizar de vez sua vida de estudante!

Liste suas despesas

É enorme a quantidade de despesas que temos ao longo de um mês. Além daqueles gastos mais altos e relevantes, como por exemplo o valor da mensalidade da faculdade, todo estudante tem uma série de pequenas despesas, que podem comprometer muito o orçamento no final do mês.

Por isso, é importante criar o hábito de listar absolutamente todos os seus gastos, sejam eles pequenos ou grandes. Desde aquele lanchinho inofensivo que você faz todo dia no caminho da faculdade, o dinheiro que você gasta com um cafezinho matinal, até os valores que você gasta com baladas, coloque tudo na ponta do lápis, para ter clareza a respeito de seus gastos mensais.

Essa atitude é importante, pois ajudará você a identificar em quais áreas, eventualmente, suas despesas estão sendo excessivas e facilitando um processo de corte ou redução de gastos.

Quando se trata de finanças, não há mágica: para a conta fechar, é importante gastar menos do que se tem. Lembre-se disso quando for fazer sua lista de despesas, e você irá ficar surpreso com a quantidade de dinheiro que é possível economizar se passar a controlar melhor seus impulsos consumistas.

Estabeleça suas prioridades

Depois de listar suas despesas, você será capaz de analisar no que seu dinheiro vem sendo gasto. E aí, é bem provável que se dê conta de que muitos reais estão sendo empregados com  gastos supérfluos.

Mas, calma, não se desespere! Ainda que você não venha usando seu dinheiro da melhor maneira, a partir de agora você pode transformar essa situação. Contudo, para isso, é essencial focar no que é importante e estabelecer suas prioridades.

Se você é do tipo de pessoa que torra todo o dinheiro ao longo do mês com roupas, bebidas e passeios, mas quando chega o dia de pagar a mensalidade da faculdade — ou comprar materiais didáticos — não tem um mísero centavo, é hora de rever sua forma de lidar com o dinheiro.

Reflita sobre as melhores maneiras de usar seus recursos e empregue-os de forma inteligente, para evitar dores de cabeça.

Defina quais valores serão gastos com diferentes finalidades

A falta de experiência faz com que algumas pessoas se percam na hora de gastar o próprio dinheiro. Então, antes de sair por aí abrindo a carteira indiscriminadamente, a melhor alternativa é definir quais valores serão gastos com diferentes finalidades.

No início do mês, calcule o quanto você gastará com:

  • alimentação;
  • transporte;
  • estudos (incluindo a mensalidade da faculdade e materiais didáticos);
  • lazer.

Você pode incluir outros itens nesta lista, mas o fundamental é que seja capaz de saber, com antecedência, o quanto poderá gastar com cada atividade. Assim é mais fácil controlar-se.

Crie uma reserva de emergência

No tópico acima, você viu que é importante definir quanto será gasto durante o mês com cada atividade que compõe sua vida. Porém, é também crucial que você saiba que não é necessário gastar todo o dinheiro que você recebe.

Emergências podem acontecer com qualquer pessoa, a qualquer momento. Então, para precaver-se, vale a pena criar uma reserva financeira para esses momentos. E seu planejamento financeiro irá ajudá-lo neste desafio.

Você pode começar guardando 10% daquilo que você ganha todo mês, até alcançar o equivalente  de 6 a 12 meses dos seus gastos. Desse modo, você terá segurança e certa estabilidade caso ocorra algum imprevisto.

Poupe para investir

Imagine fazer com que seu dinheiro se multiplique e, com o passar dos anos, ter a chance de obter uma renda passiva suficiente para cobrir grande parte dos seus gastos! Fantástico, não é?

Acredite: o quanto antes você se acostumar a poupar para investir, mais cedo conseguirá seu sucesso financeiro.

Se você acha que isso é bom demais para ser verdade, saiba que é possível começar a investir aplicando pouco dinheiro todo mês. Invista em educação financeira e comece a construir já seu patrimônio.

Na internet, é fácil encontrar bastante material gratuito que pode ajudá-lo a instruir-se. Se você busca um futuro confortável, precisa começar a construí-lo agora mesmo.

Tenha metas de curto, médio e longo prazos

Quando não se tem objetivos, é fácil permitir que o dinheiro vá embora sem nos gerar nenhum tipo de benefício consistente. Por isso, para não gastar a toa aquilo que você ganha, trate de formular metas de curto, médio e longo prazos:

  • Comprar um carro;
  • Terminar de pagar a faculdade; 
  • Fazer uma viagem, comprar uma casa;
  • Começar a empreender.

Esses são exemplos de objetivos que podem ajudá-lo a utilizar seu dinheiro de modo mais consciente, poupá-lo, investi-lo e construir um futuro com muito mais propósito, segurança e prosperidade!

Deu pra perceber que não é difícil organizar sua vida de estudante tendo um bom planejamento financeiro, certo?

É claro que, durante a faculdade, não faltarão tentações para gastar seu dinheiro por aí, por exemplo, nas baladas ou bares que acompanham a vida de — quase todo — universitário. Porém, embora divertir-se seja essencial, é preciso enxergar a longo prazo e com responsabilidade para evitar complicações.

Aprenda a controlar seus gastos, tenha clareza quanto às suas prioridades e habitue-se a gastar menos do que você ganha. Além de manter a cabeça livre de preocupações, para poder viver como se deve sua vida de universitário, você estará construindo, aos poucos, um futuro brilhante e de sucesso para você!

Este conteúdo foi útil para você? Então, siga-nos nas redes sociais, e acompanhe todas as nossas novidades!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *